Arranque do realojamento do Bairro da Cruz Vermelha

Novo BCV

Teve lugar no dia 9 de junho o arranque da concretização do realojamento do Bairro da Cruz Vermelha, com a cerimónia de assinatura do termo de aceitação das casas a famílias já residentes no bairro, que passarão assim das antigas casas para as novas, na presença do Presidente da CM de Lisboa, da Vereadora da Habitação Paula Marques e dos Presidentes da Junta de Freguesia do Lumiar e Santa Clara.

Esta intervenção assegura condições de habitabilidade digna para mais de uma centena de famílias, que há muitos anos aguardavam uma resposta definitiva para as carências das residências em que residiam, num processo que contou com o envolvimento dos residentes e que permitiu também deixar registo da memória do bairro que agora será realojado, através de vários projetos BIP/ZIP.

Novo BCV residentes

As novas habitações dispõem de aproveitamento de água das chuvas, aquecimento solar de águas quentes, hortas individuais, boa exposição solar e tipologias evolutivas: casas que crescem com a famíliaA operação de construção representa o maior projeto de um bairro feito pela Câmara de Lisboa, de uma só vez, e com o maior investimento, no valor de 11 milhões de euros.

Novo BCV cozinha

Os atuais residentes do Bairro puderam optar entre o realojamento nas novas construções (na Freguesia de Santa Clara), o realojamento noutro local da Freguesia do Lumiar ou ainda num outro ponto da cidade de Lisboa. Por deliberação da Assembleia de Freguesia do Lumiar tomada em 2017, independentemente da sua opção habitacional futura,  todos os atuais residentes do Bairro da Cruz Vermelha continuarão a usufruir do acesso aos serviços da Freguesia do Lumiar independentemente da sua opção de realojamento, mantendo os laços e a continuidade da comunidade com as suas ligações ao Lumiar.

Hoje
Sem categoria