Balanço | 7, 8 e 9 de outubro

O primeiro fim-de-semana de outubro lançou o mote para o outono do Lumiar que dinamiza um diversificado programa cultural

O primeiro fim-de-semana de outubro colocou o Lumiar na agenda lisboeta e marcou o ritmo de uma intensa programação cultural que não deixou ninguém indiferente.

Celebrando o Dia do Idoso e o Dia da Música, a Junta de Freguesia do Lumiar, em parceria com todas as instituições da freguesia, organizou uma noite totalmente dedicada ao Fado. Este nosso Património da Humanidade eternizou-se numa quinta-feira de glamour, num dos mais acolhedores palcos do Lumiar: o salão do Lar Militar da Cruz Vermelha. Muitos foram os lumiarenses que se juntaram a ouvir e a cantar o fado, numa noite inesquecível que ficará gravada na memória de todos aqueles que marcaram presença.

Neste mesmo dia o Presidente da Junta de Freguesia do Lumiar recebeu, pela primeira vez, Mrs. K. Nandini Singla, a nova Embaixadora da Índia em Portugal. Veio reforçar os laços que unem o seu país ao Lumiar e trouxe consigo o génio da dança contemporânea indiana: o coreografo e bailarino Astad Deboo. O Auditório da Biblioteca Municipal Orlando Ribeiro teve a honra e o privilégio de apresentar o espetáculo Drumbeats: The Soundscape of Manipur, interpretado por aquele que muitos consideram o precursor da dança contemporânea indiana, numa performance vibrante que nos transportou para uma paisagem de sons dos tambores do estado de Manipur, através dos seus ritmos e tradições diversas.

Na fresca sexta feira os luminarenses e lisboetas aqueceram os seus corações e não conseguiram apenas sorrir na mini tourné de Herman José, intitulada ’”Um passeio de música e humor”, promovida pela Câmara Municipal de Lisboa, e que trouxe o humorista e os seus convidados, Jorge Fernando e FF, à Quinta das Conchas. O Lumiar não poderia ter comemorado de melhor forma o Dia Mundial Do Sorriso.

Mas este fim-de-semana não se ficou apenas por aqui: a Ópera também marcou a sua presença, no Colégio de São João de Brito. A Gala de Ópera contou com a presença do CoroART, do Coral Nascente, e do Grupo Coral Ares Novos e o Auditório do Colégio de São João de Brito quase foi pequeno para acolher todos aqueles que não quiseram perder excertos de Nabucco, Madame Butterfly, Don Giovanni, Flauta Mágica, Carmen, entre outros.

No domingo o Auditório da Biblioteca Municipal Orlando Ribeiro recebeu a Casa do Minho, num encontro de tocadores de concertina. Não há palavras para descrever a emoção de receber a cultura de uma região tão rica, num domingo que já tem dia e hora marcado para voltar ao Lumiar: Junta de Freguesia do Lumiar convidou a Casa do Minho a transformar, mais uma vez, o Lumiar durante umas horas na região norte do nosso país.

Se este foi o primeiro fim-de-semana imagine o que se vai seguir:

Trampolim Gerador 4

Birra da Cerveja